É proibida a reprodução total ou em partes de imagens e artigos deste blog em outros blogs ou sites sem os créditos devidos. (Cópias sem créditos caracterizam Plágio. Este crime está previsto no artigo 184 do Código Penal de acordo com a Lei 9.610/98 dos Direitos Autorais)

MInha história e a criação do blog

Meu nome é Mell e quero que vc conheça um pouco da minha história de superação e de empreendedorismo. Tenho 53 anos, sou dona de casa, divorciada, microempresária e tenho dois filhos que são a minha alegria de viver. Sempre gostei de escrever, mas em 2009 resolvi criar este blog com o objetivo de encontrar e ajudar outras mulheres com histórias parecidas com a minha. Tendo como base a minha experiência de vida, mostro aqui que precisei sozinha, aprender a me virar. A idade e a experiência (mesmo tendo) não colaboraram para que eu conseguisse um emprego fixo, e pensão alimentícia (quando havia) mal dava para os alimentos. Enfim, eu não sou ex-mulher de nenhum famoso jogador de futebol, apesar do "ex" ter se dado bem na vida e me deixado sozinha com dois filhos pequenos. Não foi uma história fácil de ser vivida e só quem passou por isso é que sabe como é doloroso. Assim, me tornei uma "pãe" (pai e mãe), e além de cuidar deles, teria que trabalhar. Sem solução, tive que me virar sozinha e por quinze anos me desdobrei para criar, educar e ajudar no sustento dos dois homens da minha vida. O que você faria se tivesse que viver tempos de vacas magras? Se precisasse trabalhar e não pudesse sair de casa? Enfrentei o abandono de quem eu achava que eram meus amigos, tive momentos de desespero por causa de dívidas e despreparo financeiro, sofri momentos angustiantes e uma depressão profunda, mas consegui, mesmo com muito sofrimento dar a volta por cima, trabalhando sempre...dentro de casa. Teve que haver uma saída para mim, e eu lhe digo que para você que enfrenta situação parecida, também há. Dei ao blog o nome de "SAÍDA DE EMERGÊNCIA" porque tive que descobrir que meu sustento tinha que sair de dentro da minha casa pois precisava cuidar dos meus meninos e não tinha com quem deixá-los e nem condições para pagar alguém para cuidar deles. Assim, descobri várias "saídas" para fugir do desespero. Não, não fiquei rica! E nem quero, porque o dinheiro acabou com o meu casamento! Sei muito bem que dinheiro ajuda, mas não sabendo usá-lo, traz infelicidade. O dinheiro compra a cama, mas não paga o sono. Faço de tudo um pouco e nunca fiquei parada. Como o emprego fixo se tornou difícil, me virei como pude com meus "bicos" até me tornar dona do meu próprio negócio. O que ganho pode ser pouco, mas é justo. Aprendi a administrar. Ganho meu dinheiro honestamente e o melhor, dentro da minha casa, tudo formalizado e assim posso cuidar melhor dos meus (agora) rapazes! Depois destes anos todos cuidando deles sozinha e sempre trabalhando, agora estamos na fase do quadro se inverter e meus filhos passando a ser responsáveis pelas nossas despesas, mas assim mesmo continuo ajudando com meu negócio próprio. Portanto, as dicas deste blog não tem a finalidade de mostrar que uma pessoa pode ganhar "rios" de dinheiro da noite para o dia, mas, elas podem funcionar como "Saída de Emergência" num momento difícil. No desespero, muitas vezes não conseguimos ver que bem diante de nossos olhos, ou melhor, dentro da nossa casa está a solução, e por isso, vou tentar mostrar que existem grandes oportunidades para trabalhar a partir de nossa própria casa, muitas vezes com pouco ou quase nenhum capital, podendo até mesmo, um dia, estas atividades se tornarem o sustento da sua família. Espero que todo o conteúdo do blog seja de grande utilidade para vocês.

(Acompanhe no final da página - Mudanças no meu Perfil. De acordo com as datas de postagem do blog, vocês verão como fui trabalhando e nos sustentando.
 

Vou descansar um pouco...

Oi, amigos. Tô passando para dizer que vou ficar mais alguns dias sem postar. Tô de férias na creche e aproveito para tirar umas férias do blog também, mas só nas postagens. Quero espairecer um pouquinho a mente, porque eu mereço, né? E vou dar um jeitinho na casa e na vida do lado de cá, porque tá difícil, viu, rsrsrsrsrsrs
Já tenho vários assuntos para postar e tenho certeza que vocês vão gostar muito. Mas como vocês sabem, eu sou meio maluca, e se "der na telha" posto alguma coisinha prá vocês neste meio tempo. Continuem revirando os arquivos, pois tem muita coisa boa que muitos ainda não viram. Continuarei respondendo os e-mails que recebo (desde que não estejam como anônimos). Dá um jeitinho, gente, de colocar o e-mail prá mim, vai, senão não dá prá responder e vocês acham que eu estou fazendo pouco caso. Nem sempre aparece o e-mail de quem está me enviando alguma mensagem, e aí, não dá mesmo prá responder. Bom, então é isso. Deixa eu descansar um pouquinho...Ah, não se esqueçam de divulgar o blog, heim? Bjos e até mais.

Reações:

1 comentários:

A quitandinha disse...

Olá Melita
Dizer que passei p dar a olhadinha de sempre no seu Blog
Aline Tinto

LIBERDADE DE EXPRESSÃO - Também é importante esclarecer que este blog, em plena vigência do Estado Democrático de Direito, exercita-se das prerrogativas constantes dos incisos IV e IX, do artigo 5º, da Constituição Federal. Nos referidos textos constitucionais, lê-se: “é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato" (inciso IV) e "é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença" (inciso IX).

Deixe aqui o seu recado