Oportunidades são raras. Esta pode ser a sua.


Meu nome é Melita Luzia, mas podem me chamar de Mell. Moro em Santa Luzia/MG, tenho 52 anos, sou dona de casa, divorciada, Microempreendedora Individual e tenho dois filhos que são a minha alegria de viver. Em 2009 resolvi fazer este blog tendo como base a minha experiência de vida, pois foi por causa das dificuldades que passei que preceisei aprender a me virar. A idade e a experiência (mesmo tendo) não colaboraram para que eu conseguisse um emprego fixo, e pensão alimentícia (quando havia) mal dava para os alimentos. Enfim, eu não sou ex-mulher de nenhum famoso jogador de futebol, apesar do "ex" ter se dado bem na vida e me deixado sozinha com dois filhos pequenos. Assim, me tornei uma "pãe" (pai e mãe), e além de cuidar deles, teria que trabalhar. Sem solução, tive que me virar sozinha e há cerca de doze anos venho me desdobrando para criar, educar e ajudar no sustento dos dois homens da minha vida. O que você faria se tivesse que viver tempos de vacas magras? Se precisasse trabalhar e não pudesse sair de casa? Por causa disso enfrentei momentos de desespero, angústia, ansiedade e profunda depressão, mas teve que haver uma saída para mim, e eu lhe digo que para você que enfrenta situação parecida, também há. Dei ao blog o nome de "SAÍDA DE EMERGÊNCIA" porque tive que descobrir que meu sustento tinha que sair de dentro da minha casa pois precisava cuidar dos meus meninos. Não, não fiquei rica! E nem quero, porque o dinheiro acabou com o meu lar! Sei muito bem que dinheiro ajuda, mas não sabendo usá-lo, traz infelicidade. O dinheiro compra a cama, mas não paga o sono. Faço de tudo um pouco e nunca fiquei parada. Como o emprego fixo se tornou difícil, me virei como pude com meus "bicos" até me tornar dona do meu próprio negócio. O que ganho pode ser pouco, mas é justo. Aprendi a administrar. Ganho meu dinheiro honestamente e o melhor, dentro da minha casa, tudo formalizado e assim posso cuidar melhor dos meus (agora) rapazes! Depois destes anos todos cuidando deles sozinha e sempre trabalhando, agora estamos na fase do quadro se inverter e meus filhos passando a ser responsáveis pelas nossas despesas, mas assim mesmo continuo ajudando com meu negócio próprio. Portanto, as dicas deste blog não tem a finalidade de mostrar que uma pessoa pode ganhar "rios" de dinheiro da noite para o dia, mas, elas podem funcionar como "Saída de Emergência" num momento difícil. No desespero, muitas vezes não conseguimos ver que bem diante de nossos olhos, ou melhor, dentro da nossa casa está a solução, e por isso, vou tentar mostrar que existem grandes oportunidades para trabalhar a partir de nossa própria casa, muitas vezes com pouco ou quase nenhum capital, podendo até mesmo, um dia, estas atividades se tornarem o sustento da sua família. Espero que todo o conteúdo do blog seja de grande utilidade para vocês.
(Acompanhe no final da página - Mudanças no meu Perfil. De acordo com as datas de postagem do blog, vocês verão como fui trabalhando e nos sustentando)

Vem, que tá chegando o Natal...

Bom dia, meus queridos! Tudo bem? Ai, gentem, domingo tem eleição de novo...e agora, o que será de mim, ou de nós? Dilma ou Serra? Oh, dúvida cruel! O que é que eu faço? Prá mim nenhum dos dois vai resolver nada...ai Jesus! Mas vamos lá né? Feriadão chegando também...e gente! Vocês já se deram conta que o Natal está às portas? Pois é, e a gente precisa dar um jeito de conseguir um dimdim bom com esta festividade, né? Quando viajei para Guarapari em outubro, frequentei várias feirinhas e uma das coisas mais bonitinhas e baratas que encontrei, inclusive comprei para presentear, foram pantufas. Coisa linda, confortável e baratinha. E o melhor, toda mulher e criança adora. E melhor ainda, um bom presente e quem ganhar vai realmente gostar. Raramente encontrei em outras barracas um preço diferente. A maioria era vendida assim: 3 por R$ 10,00. Isso quer dizer que paguei menos de R$ 3,50 por cada uma. O custo pode ter ficado (para quem fez) numa base de R$ 1,30, mais ou menos. Lembro-me de que apenas numa loja do centro da cidade é que vendia cada uma a R$ 6,00. Mas claro, a pessoa ali já pegou para revender, e ainda estava barato. Uau! Vamos ficar ricos, gentem!!! Vamos pegar aqueles retalhos e fazer pantufas para vender no Natal!!! Portanto, estou colocando aqui um passo a passo bem fácil, mas você pode encontrar muitos outros modelinhos por aí na busca do Google. Tá esperando o que, heim?

Esta pantufa nos dá uma série de possibilidades e é muito fácil de fazer. Aí está um bom presente ou uma peça de rápida produção para se ganhar um dinheirinho a mais.

Material:
• 30 cm de feltro, na cor de sua preferência;
• 30cm de feltro na cor preta;
• 30cm de manta acrílica ou manta de algodão;
• linha para bordar, nas cores: verde e na cor escolhida para a cor da pantufa .
• 04 botões em forma de flor;
• Agulha para bordar;
• tesoura de tecido, bem afiada.

Montagem:
• Corte a parte de cima da pantufa, 4 X no feltro colorido e 2 X na manta.

Monte assim:
Feltro / manta / feltro.
Alfinete e alinhave em toda a volta.
Borde com ponto caseado, utilizando a linha de bordar da cor da pantufa, a parte que fica no peito do pé.
Prenda dois botões em cada parte e borde com a linha verde, os caules com ponto correntinha e as folhas com ponto laçada.

Corte o piso da pantufa, 2 X no feltro colorido e 2 X na manta.
Corte a sola da pantufa, 2 X no feltro preto.

Monte assim:
Feltro colorido / manta / feltro preto.
Alfinete e alinhave em toda a volta.
Alinhave cada pé, desta maneira:
Prenda o meio da parte de cima, com o meio da sola/piso. Alinhave de ponta a ponta.
Agora, com a linha da cor da pantufa, borde, prendendo (costurando) com ponto caseado, toda a volta da pantufa.

Dicas:
Você pode utilizar para a sola: qualquer cor de feltro, mais escura que a da pantufa, de sua preferência; um E.V.A (emborrachado) fininho e proceder como fez com o feltro.

Você pode fazer toda a pantufa em soft no lugar do feltro e utilizar para a sola uma palmilha. Proceda da mesma forma, só que, quando alinhavar, vire as bordas do soft para dentro.

No verão, utilize também o molde em tecido de algodão.

O molde abaixo é apenas referência. Mas click na imagem para aparecer maior.



Espero que tenham gostado da dica.

Beijo procês, gentem!

Reações:

0 comentários:

Deixe o seu recado