Seja bem vindo ao blog "SAÍDA DE EMERGÊNCIA". Este é um blog todo produzido para ajudar a você que decidiu trabalhar em casa. Espero que encontre aqui a ideia que está buscando. Conte comigo. Um abraço da Mell.
Este blog foi produzido para você que resolveu trabalhar em casa por vários motivos. As postagens são voltadas para mães que precisam de uma atividade lucrativa ou para desempregados. Aqui vc encontrará uma "saída de emergência" para a crise.

Vendedores de Rua - É preciso ter CORAGEM...

Oi, pessoal. E aí, tudo bem? Não? Tem alguém aí preocupado, sem saber o que fazer para ganhar um dinheirinho extra? Ah, que isso...não se desespere, pq para tudo se dá um jeito! De que adianta se desesperar? Se a gente fica desesperado, fica sem noção das coisas, não consegue nem pensar direito, né mesmo? Então...vamos pensar juntos. Ainda não surgiu nenhuma idéia, né? Mas, olha, você quer mesmo e precisa trabalhar? Tá difícil? Então não pode ter vergonha de nada, heim? Eu sempre digo que se eu precisar pegar uma boa trouxa de roupa prá lavar, eu pego. Mas tem gente que tá querendo um "emprego", não tá querendo "serviço"...Então, se vc está disposto vou deixar aqui mais uma idéia, ok? Quando a gente precisa, a gente não pode ficar escolhendo muito, porque a necessidade vai falar mais alto. E tem um porém...mesmo que não seja o que você gostaria que fosse, é preciso fazer bem feito e com gosto, para que os seus potenciais fregueses estejam sempre lhe procurando atrás do seu produto ou serviço. Faça com "amor", esse é o segredo. Quem vai ganhar é você.
A dica:
Num dia desta semana, saí para pagar uma conta na Casas Bahia (ih...pobre compra é na Casas Bahia mesmo, viu gente, rsrsrsrs) e lá estou eu no ponto de ônibus, em frente a uma drogaria. De repente, ouço: "Cafézinho, suco, pãozinho de queijo, salgados...Cafézinho, suco, pãozinho de queijo, salgados...". Me virei para trás e um senhor, com seu jaleco branco, limpinho (isso é muuuuuuito importante!) carregando nos braços uma caixa de isopor e puxando um carrinho adaptado por ele (daqueles carrinhos de feira, sabe?). Ele adaptou aquele carrinho e ali colocou a garrafa térmica com o café e as coisinhas de comer. Na caixa de isopor, os salgados. Logo que me virei, a dona da drogaria o chamou: "Me dá um café aí". E aquele senhor a serviu com gentileza oferecendo também as empadas, muito bonitas, por sinal...
Gentem, fiquei encantada. E olha, ele não ofereceu para ninguém do ponto de ônibus, não. Aliás, ele nem olhou prá gente! Da drogaria ele já foi para a loja seguinte. Bom, eu acho que ele poderia até oferecer aos que esperavam o ônibus, mas acho que a meta dele era ir de loja em loja. Era bem cedo, e talvez a idéia era essa. Quem sabe em outro horário, ele ficaria parado em frente a um ponto de ônibus para vender suas coisinhas. Tudo era "estratégia", sacaram? O cara tirou um tempo para bolar seu esquema de trabalho. E mais uma vez eu pensei com meus botões: Como eu admiro estas pessoas que trabalham na rua debaixo de sol e chuva. Eles não estão nem aí prá quem achar que é vergonhoso. Vergonhoso por que? Vergonha é roubar e não poder carregar! Vergonha de trabalhar? Tem que ter vergonha aquele que está desempregado e não toma uma atitude. Tem que ter vergonha aquele que fica esperando o emprego cair do céu, que não se anima a enviar um currículo para uma empresa, ou que na necessidade não sai para a rua, como este senhor do cafezinho, enquanto não arruma uma vaga no mercado de trabalho!
Acho o povo brasileiro muito criativo, e passa fome quem quer, viu? Portanto, tome coragem e tome atitude. Uma garrafinha térmica e uns salgados ou pãozinho de queijo e...rua! Tenho certeza de que você vai trazer dinheiro prá casa!.
Fui dura, hoje, heim? Mas é porque eu amo vocês, e tem horas que a gente precisa ser dura mesmo. Não sou de passar a mão na cabeça. Eu sou assim meio "Dilma", kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Um beijo no coração.

Um comentário:

  1. Ola linda tudo bem ,encontrei seu blog por acaso e ja fiquei muito sua fã,tambem sou assim como voce não fico esperando cair do ceu,vou atraz.Vivo em Portugal a dez anos mas sou brasileira,aqui trabalhei em muitas coisas que nunca tinha feito no Brasil por vergonha é claro,sou formada em enfermagem,mas aqui ja trabalhei em café,restaurante,limpezas e até ja cuide de idosos,mas ultimamente decidi trabalhar para mim mesma então arregacei a manga e faço salgadinhos,docinhos e saio vender nas ruas e shopingns,no início foi dificil ,mas hoje tenho uma boa clientela,mas tem um detalhe nunca na minha vida tinha feito nada disso nem em casa e quando tentava fazer dava tudo errado e perdia tudo,nem um bolo dava certo.kkk então gente é assim se for persistente consegue e eu sou,bjs linda e sucesso.Dulce

    ResponderExcluir

Antes de comentar, saiba que:

- Antes de serem publicados, os comentários necessitam de aprovação. Ou seja, seu comentário não aparecerá na hora em que você o postou (geralmente, são aprovados em menos de 24h);
- Conteúdo ofensivo, propagandas, e propostas de parceria não serão aceitos nos comentários. No caso de interesse em parceria, entre em contato pelo meu e-mail melitaluzia@hotmail.com

VISITAS RECEBIDAS NO BLOG

.