Seja bem vindo ao blog "SAÍDA DE EMERGÊNCIA". Este é um blog todo produzido para ajudar a você que decidiu trabalhar em casa. Espero que encontre aqui a ideia que está buscando. Conte comigo. Um abraço da Mell.
Este blog foi produzido para você que resolveu trabalhar em casa por vários motivos. As postagens são voltadas para mães que precisam de uma atividade lucrativa ou para desempregados. Aqui vc encontrará uma "saída de emergência" para a crise.

Não entre em desespero por causa das dívidas

Olá, meus amados, que saudade! Cheguei ontem de viagem e agora...acabou a mamata mesmoooooo! Estou super atarefada com uns brindes para o dia das mães e lembrancinhas para um aniversário e tenho que entregar tudo até no domingo e ainda tenho que ir trabalhar à noite na pizzaria neste final de semana. Na segunda começo lá todos os dias, portanto, tô na correria mas não posso ficar devendo uma postagem, né mesmo? Bom, eu tenho recebido inúmeros e-mails de pessoas que estão atoladas em dívidas. E acho até engraçado quando vcs me perguntam como sair dessa. Gente do céu, eu não sou milagreira não viu? kkkkkkkkkkkkkkkkkk Brincadeirinha, a coisa é séria. Bom, então resolvi falar sobre isso. Eu passei um bom tempo com o nome sujo logo que fechei minha sorveteria há uns oito anos atrás, e sei o que vcs estão passando, mas eu sempre procurei ser uma pessoa bem informada, e aprendi uma coisa que quero passar para vocês: "ninguém tem o direito de nos enlouquecer por causa de uma dívida". Até hoje, às vezes atraso uma continha (e quem é que não atrasa, né gentem?) e quando saio na rua sinto que está escrito na minha testa "esta aqui tá devendo a loja tal". É sério! Morro de vergonha de ficar devendo. A pior coisa do mundo é ficar com o nome sujo. Bom, você não tem que se desesperar mesmo. Não tem que querer se matar, nem matar ninguém por causa da dívida que vc mesmo contraiu. O jeito é pagar. Não adianta xingar ninguém, pois foi vc quem criou esta situação. A primeira coisa que lhe digo é que não pague ninguém para limpar o seu nome. Você mesmo vai correr atrás do prejuízo. Tá recebendo cartas? Não tem jeito, vai receber mesmo, e telefonemas também. Você precisa tentar um acordo para pagar esta dívida, mas não faça isso por telefone, pelamordeDeus! Não entre em contato também pela empresa que te mandou a carta, porque geralmente vc recebe uma carta de uma empresa que já comprou sua dívida. Procure a loja onde vc comprou e tente este acordo. Diga: "Eu quero pagar, mas só posso pagar tanto por mês". Eles tem que aceitar, mas se não aceitarem, você simplesmente se levanta e diz: "Então, não tem jeito, pode mandar meu nome pro SPC". Pode ser que eles voltem atrás, mas pode ser que não. Você disse que quer pagar, não é? Então, pronto. Eles vão infernizar a sua vida. É o trabalho deles! Vão ligar dia e noite e vão fazer ameaças do tipo "Vamos entrar com um processo e um oficial de justiça vai na sua casa com dois policiais tirar seus bens! Você vai ser preso!" Não se intimide com isso, pois não passam de simples “ameaças”. E isso é crime, viu? Acredite ou não, você vai continuar recebendo as ditas cartinhas de cobrança, mas os valores só vão diminuindo. Eu fiquei devendo uma loja de roupas e uma operadora de telefonia, e pasmem, paguei menos do que eu devia, nas duas! Estou acompanhando esta mesma situação que duas pessoas conhecidas estão passando e isto também está acontecendo. Elas ainda não pagaram, e as cartinhas estão chegando com os valores cada vez mais baixos. O interessante para o credor é receber o que vc ficou devendo. O ideal seria vc pagar a dívida de uma vez, mas se não puder, tente parcelar, e saiba que ao pagar a primeira parcela, no máximo em cinco dias úteis o seu nome tem que estar limpo. Se tem outras dívidas em outros estabelecimentos proceda do mesmo jeito, mas priorize aquelas contas daquilo que sua família precisa, como água, luz e alimentação. Se não pagar, então seu nome continuará na lista negra por cinco anos. Mas tem uma vantagem, né? Você vai gastar menos, rsrsrsrs
Por hoje é só, senão minha postagem vai ficar enorme, mas prometo que vou falar mais sobre isso. Espero ter dado uma "luz" para quem está endividado. Boa sorte, amigos. Meu objetivo aqui é ajudar sempre. Um bjo grande procês.
Visite o site http://www.endividado.com.br

9 comentários:

  1. oi melita,boa tarde,eu estava viginado vc chegar acreditas???rsrsrsrrs....é verdade minha linda,estou te seguindo pq adorei seu blog,suas dicas e tudo que aqui encontrei,vc com suas experin~encias de vida ajuda muito suas leitoras sabia?????e eu te agradeço por isso!!!!ah e sobre essas dicas aí em cima,eu estou passando por isso mesmo!!!!

    beijão minha linda!

    ResponderExcluir
  2. fiquei impressionada como sua historia parece com a minha ...tenho um casal de gemeos ,tbm 20 anos ,o pai nunca ajudou ..cheguei até aqui (nem sei como)sozinha , hj depois de tantos devaneios , estou desanimada,mas tenho que continuar ..e por "coincidencia"(dizem que nada é por acaso)achei voce , seu blog é reconfortador, a gente vê que não estamos tão só ..parabens pelo sua proposta ,ajudar o proximo é muito nobre ,me deixou cheia de esperança e vontade de seguir em frente..Deus te abençoe

    ResponderExcluir
  3. Lupércia, escrevi um e-mail prá vc. Obrigada por essas lindas palavras. Bjos, volte aqui sempre que puder.

    ResponderExcluir
  4. Querida e no caso de empréstimos que descontam direto na conta? Estão me sufocando. Tem acordo?

    ResponderExcluir
  5. OI anònimo tudo bem? Dá uma olhada nesse link, lá tem muitas orientações sobre isso

    http://www.endividado.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Adriane gomesfevereiro 23, 2015

    O que faço,estou cheia de dividas e cada vez tendo que fazer mais,,tnh 2 filhos meu marido ficou. Desempregado e não sabemos o q.fazer,,,

    ResponderExcluir
  7. oi Adriane, o que eu tenho a lhe falar é o que eu disse na postagem, vc leu? O que não pode acontecer é o desespero, tente negociar as dividas, siga exatamente o que eu falei. Não se envergonhe pois milhoes de brasileiros estão nesta mesma situação, viu? Faça geladinhos, é uma coisa barata e fácil de fazer. Muita gente vende, inclusive eu. Confie em Deus também, pois nesse momento só Ele para nos valer. Obrigada pela visita. bjos

    ResponderExcluir
  8. Oi minha linda queria muito um conselho estou tão triste despedaçada estou passando uma fase muito difícil desenpregada meu marido recebendo muito pouco pois ele paga minha cirurgia que precisei fazer de emergência se não eu morria hoje desconta e o fica as vezes eu não consigo nem comprar comida para as crianças tá tão difícil tomo muitos remédios pq depois que fiz essa cirurgia não tenho mais saúde mais tento lutar a cada dia para criar meus filhos o que me dói muito e não ter dinheiro para comprar o pão o leite o Danone para eles não sei o que fazer esta acabando comigo aos poucos até meu marido tomando remédio para depressão vive abase de calmante

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Miriam, o que eu posso lhe dizer é que não se desespere pq até mesmo as fases ruins passam. Eu não tive nem Danone para dar para os meus filhos, não podia comprar nada, uma fruta ou um salgadinho para eles, enquanto o pai enriquecia com outra mulher. Minha força veio deles, é pelos meus filhos que eu ergui a cabeça e comecei a fazer geladinhos e vendia pela janela do quarto. Por muitas vezes eu ia chorar no banheiro para meus filhos não verem e não tive ninguém absolutamente que me ajudasse. Entrava muito pouco, eu conversava com meus filhos e deixava de comer para eles comerem. Mas enfim, passou, meus filhos cresceram obedientes e aprenderam comigo a administrar o pouco que a gente tinha. Hoje um deles já tem uma casa, o outro já casou e tem uma filhinha e estamos sempre na luta, mas sabendo administrar. Muitas vezes nós deixamos a dor acabar conosco mas não pode ser assim. É nestes momentos que nós temos que nos sentir fortalecidos. Temos que exercitar nossa fé, acreditar que tudo vai passar, pq VAI PASSAR, viu? Aproveite e comece a tirar supérfluos, se porventura há. Compre somente o necessário, faça render a carne quando houver. Não compre nada que não esteja precisando, só o necessário mesmo, e eu digo isso em matéria de alimentação mesmo. Tente reduzir as contas de água e luz, telefone, internet. Prá tudo se tem um jeito, uma hora tudo vai melhorar e um dia vc vai olhar prá trás e ver que cresceu neste tempo ok? Um bjo, fique na paz. Acredite que nada acontece por acaso em nossas vidas e não sinta dó de si mesma pq tanto vc quanto seu esposo são fortes.

      Excluir

Antes de comentar, saiba que:

- Antes de serem publicados, os comentários necessitam de aprovação. Ou seja, seu comentário não aparecerá na hora em que você o postou (geralmente, são aprovados em menos de 24h);
- Conteúdo ofensivo, propagandas, e propostas de parceria não serão aceitos nos comentários. No caso de interesse em parceria, entre em contato pelo meu e-mail melitaluzia@hotmail.com

VISITAS RECEBIDAS NO BLOG

.