DIREITOS AUTORAIS - É proibida a reprodução total ou em partes de imagens e artigos deste blog em outros blogs, sites ou páginas do Facebook,, Whats App e outras redes sociais sem os créditos devidos ou sem autorização da autora do blog. (Cópias sem créditos caracterizam Plágio. Este crime está previsto no artigo 184 do Código Penal de acordo com a Lei 9.610/98 dos Direitos Autorais)

30 de agosto de 2012

Quero me formalizar...será que eu consigo? (A Saga - Última Parte)

Olá, amadinhos do meu core! Ah, finalmente arrumei um tempinho prá postar. E não pensem que o cansaço acabou e que o tempo está livre, pq não é bem assim. Bom, lembram-se da minha saga atrás da formalização do meu negócio, né, mesmo? Pois é, dei um tempo, resolvi tudo e agora estou postando e contando que depois de tantas idas e vindas eu até que enfim e pela graça de Deus sou agora uma MICROEMPREENDEDORA INDIVIDUAL e quero ver quem vai me perturbar, kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Digo assim, pq o que tem de gente ruim neste mundo, não é mole não, e alguns estão sempre dispostos a denunciar aquele que trabalha informalmente, principalmente sem uma licença municipal. Faço questão de postar aqui sobre este assunto, porque já falei em outros posts sobre a necessidade de se formalizar. Tem três meses que estou com minha loja aberta, com a papelada correndo, querendo me formalizar, mas encontrei alguns obstáculos pelo caminho, mas deixo claro que o tempo para se formalizar não é esse todo não, viu? O Governo Federal realmente facilitou tudo para nós que trabalhamos em casa ou mesmo os ambulantes. Não encontrei dificuldade nenhuma na formalização pelo Portal do Empreendedor, fiz tudo sozinha, não precisei de nenhum contador e não paguei NADA! Tenho meu CNPJ, nota fiscal (caso precise) e tudo mais que um microempreendedor precisa. A única taxa que precisei pagar foi no cartório de imóveis para reconhecer a firma do dono do imóvel onde fica a loja, que no caso, é meu pai. No Portal eles deixam bem claro que NÃO HÁ TAXAS A PAGAR, e a que eu paguei foi realmente preciso pois não é um serviço oferecido pelo governo. No caso de notas fiscais só precisarei pagar se for procurar uma gráfica. As dificuldades que enfrentei foram por causa da Prefeitura Municipal, onde, infelizmente os funcionários não são bem treinados em questão de Micro Empreendedor Individual. De cara me disseram que os bombeiros não iam liberar minha loja sem a planta da casa, e não foi nada disso. Não gastei mais do que 15 minutos no Corpo de Bombeiros, saí de lá com meu alvará. Só me pediram para colocar um extintor de incêndio e gastei com isso apenas. Questionei o fato de algumas lojas grandes por aqui não terem o extintor e a minha loja ser tão pequena e eles me pedirem. Então, me informaram que certamente se eles passarem nestas lojas, elas serão fechadas por falta de licença dos bombeiros, pois roupas incendeiam com facilidade. Me disseram que era melhor eu fazer tudo certinho, seria tudo melhor para mim, e assim fiz. Também, em cada setor da Prefeitura que eu passava, pediam de 10 a 15 dias para liberar, sendo que não é necessário isso, conforme uma das funcionárias mesmo me disse. Outra coisa muito importante que vcs devem observar: NÃO PAGUEM NENHUM CONTADOR para fazer a sua formalização. Se alguém lhe cobrar, denuncie ao Portal, porque isso é ilegal. Aqui na minha cidade, uma contadora teve a cara de pau de cobrar R$ 150,00 de uma amiga minha, mas como eu a orientei ela não aceitou. Outra dica: você pode se formalizar diretamente pelo Portal do Empreendedor, mas eles mesmos nos orientam a passar primeiramente pela Prefeitura Municipal para evitar problemas depois. E aí, não custa nada gente! No máximo, vc vai gastar com passagens ou com gasolina. Só isso. Portanto, faça tudo certinho. Qualquer dúvida, entre no site http://www.portaldoempreendedor.gov.br/modulos/inicio/index.htm e leia atentamente todas as orientações, está tudo muito bem explicadinho.
Então é isso, estou super feliz e vou continuar na torcida por cada um de vocês que também quer se formalizar. Agora é só administrar direitinho meus negócios, porque não esqueçam, 80% das microempresas no Brasil fecham em menos de um ano. Que Deus me dê sabedoria para isso. Que Ele abençoe a todos. Até mais, depois volto para contar mais novidades. Um bjo carinhoso da Mell.
AO DEIXAR UM COMENTÁRIO, POR FAVOR, DEIXE UM E-MAIL DE CONTATO PARA RESPOSTA.

.