Seja bem vindo ao blog "SAÍDA DE EMERGÊNCIA". Este é um blog todo produzido para ajudar a você que decidiu trabalhar em casa. Espero que encontre aqui a ideia que está buscando. Conte comigo. Um abraço da Mell.
Este blog foi produzido para você que resolveu trabalhar em casa por vários motivos. As postagens são voltadas para mães que precisam de uma atividade lucrativa ou para desempregados. Aqui vc encontrará uma "saída de emergência" para a crise.

10 de junho de 2014

Qual é o seu tempero? Ele vale dinheiro, querida...

Olá, meus leitores queridos. Hoje vou apenas refazer uma postagem antiga, dando um toque melhorzinho pq agora estou mais espertinho na net, né mesmo? Claro que é uma dica prá ganhar dinheiro, pq aqui no meu blog quando não ensino alguma coisa prá gerar renda, eu estou trazendo motivação. Amo fazer isso e ajudar as pessoas. E a dica de hoje vai para aquelas mulheres que tem um tempero que faz a vizinhança toda ficar com água na boca. Pois é, você tá aí precisando de uma grana, talvez urgente, tem a faca e o queijo na mão e não sabe, né? É isso mesmo...cheguei prá clarear suas ideias pq o seu tempero pode lhe render um bom dinheiro, menina!!! Sabia que a famosa marca Arisco começou assim, com uma mistura de alho e sal? Tudo começou em 1942, quando a família Alves de Queiroz montou um pequeno estabelecimento de secos e molhados. O negócio prosperou e foi transferido para Goiânia (GO), onde passou a operar sob o nome de Sociedade Irmãos Alves – Indústrias, Importadora e Comércio. Em 1969, João Alves de Queiroz Filho, ao lado do pai, resolveu investir em um novo negócio: a produção de sal temperado. A ARISCO nasceu de maneira modesta: uma mistura de sal e temperos que pretendia facilitar a vida da dona-de-casa brasileira. Embalado em potes de plástico, o tempero pronto revolucionou a vida das donas-de-casa acostumadas a amassar sal, alho e pimenta no pilão. (veja aqui a história completa http://mundodasmarcas.blogspot.com.br/2009/08/arisco.html) Tempero pronto, desses industrializados é bom, facilita mesmo a nossa vida de dona de casa, mas nada como um tempero caseiro sem conservantes e ingredientes que podem nos fazer mal, né verdade? Infelizmente não tá dando prá confiar nessas coisas industrializadas né gente? Tem tantas marcas que a gente não pode confiar mesmo, aff... Então, bora juntar aqueles vidros de conserva ou comprar potes plásticos descartáveis e fazer nosso temperinho prá vender? Gente, não tem o que pensar! É pegar a dica e mãos à obra. Lucro certo. Não é difícil calcular o preço de venda. Prá ficar mais fácil, some os valores correspondentes aos ingredientes usados e as embalagens, veja quantos potes renderam e use como regra aquela velha continha de multiplicar por três. Você pode começar com o tempero básico mesmo, alho e sal. Mas pode fazer com outros temperinhos como cebola, manjericão, louro, com pimenta, sem pimenta, etc. Cada uma tem uma receitinha diferente né? Então, faça a sua, aquela que a vizinhança fica doida prá descobrir por causa do cheiro delicioso que vem da sua cozinha, boba! Aqui ó...mas não conte o segredo né? Vc deve colocar sim, uma etiqueta mostrando quais os ingredientes usados, o modo de armazenar e a validade, mas não revele as quantidades usadas. É obrigatório isso, mas não precisa entregar o ouro todo, kkkkkk Como eu sempre falo, se tem vergonha, comece divulgando com suas vizinhas, amigas e parentes. Faça potinhos bem pequenos (como aqueles copinhos de café) como amostra para elas usarem e conhecerem o seu tempero. Dê ao maridão ou aos filhos também estas amostras para eles levarem para os colegas do trabalho (onde for permitido, claro). E depois que eles provarem, ou suas esposas ou mesmo mães, procure-os para saber o que acharam, mas já vá levando o pote maior, certo? Se o seu produto for bom, não vão faltar encomendas. E então, gostaram dessa dica maravilhosa? 
Hoje eu fiz o meu, faço somente de alho e sal pq meus filhos preferem assim e trouxe procês verem um passo a passo bem simples que dá prá todo mundo entender. Vamos ver o que usei e quanto rendeu?

TEMPERO CASEIRO DA MELL

300 gramas de alho descascado 
(eu já comprei descascado pq sou preguiçosa, fica mais caro, kkkk)
 1 xícara de chá de óleo (usei de milho)
1 kg de sal
Colocar no liquidificador o alho descascado e o óleo.
Bater devagar ou pulsando até virar uma pasta. 
Se necessário, desligue o liquidificador e mexa com uma colher.

 Depois de batida, vire a pasta de alho numa vasilha e vá aos poucos
misturando o sal. Deve ser usado todo o sal do pacote.

A minha receita rendeu dois potes de 750gramas,
 mas poderia render até mais pois ainda
ficou bem molhadinha a massa.

Olha só como ficou bonito meu tempero, bem pastoso, por isso
eu disse que poderia colocar mais sal. E vc pode também fazer 
copinhos menores como este de 200 gramas. Enfim, faça do seu jeito, 
com sal ou sem sal, molinho ou durinho, mas faça.
Tudo que é temperado com amor, dá certo.

Então é isso amigos. Fico por aqui e logo, logo, apareço novamente. Agora minha vida é essa correria mesmo, mas venho, bato ponto e vou indo logo. Um bjo e um xero procês. Fiquem com Deus.

Ao comentar, aguarde resposta na mesma postagem. Deixe e-mail de contato se quiser resposta fora do blog

VISITAS RECEBIDAS NO BLOG

.