Seja bem vindo ao blog "SAÍDA DE EMERGÊNCIA". Este é um blog todo produzido para ajudar a você que decidiu trabalhar em casa. Espero que encontre aqui a ideia que está buscando. Conte comigo. Um abraço da Mell.
Este blog foi produzido para você que resolveu trabalhar em casa por vários motivos. As postagens são voltadas para mães que precisam de uma atividade lucrativa ou para desempregados. Aqui vc encontrará uma "saída de emergência" para a crise.

11 de maio de 2017

- Sete Dicas para Ganhar Dinheiro na Sua Cozinha e Ter Lucro -




Oi, gente, esta na verdade é uma repostagem do blog. A primeira vez que publiquei este artigo foi em 2009, logo no início quando comecei a escrever, e eu nem imaginava que um dia eu chegaria a trabalhar com alimentos e muito menos que um dia eu estaria ensinando vcs da maneira que eu posso fazer hoje. Digo isso pq antes eu investia mais no artesanato e em outras áreas. Da parte de alimentação mesmo eu investia nos sorvetes que são o que eu sei fazer melhor, né? Bem, o importante é que eu descobri nestes sete anos de blog que coisas de comer vendem realmente muito bem e que minhas postagens mais visitadas são dessa categoria, por isso que investi pesado nos meus materiais de ensino que estão aí disponíveis para vcs adquirirem quando bem entenderem. Quem não quiser me abençoar com a compra dos cursos que tem um precinho muito em conta, também pode aprender muito no blog, ok? Pagando ou não vcs recebem muito do que eu posso ensinar, acho que ninguém nem pode reclamar né? Só o "ouro" é que eu guardo para os cursos, ok? Bem, aqui no blog tenho mais de 200 postagens só com dicas e receitas para ganhar dinheiro na cozinha, então, não perca tempo e vá do lado direito do blog e clique em CULINÁRIA que vc encontra tudinho que precisa. Mas esta postagem de hoje fala de sete dicas muito importantes para que seu negócio de comida (doce ou salgada) dê certo. Gostaria muito que vcs lessem e colocassem em prática ok? Espero que gostem. Um bjo da Mell.

1 - NÃO FAÇA ESTOQUE


No início, esse é um passo em falso. O ideal é comprar apenas a quantidade que vai ser usada. Apresente seu produto ao mercado. Se ele for bem aceito e as encomendas surgirem, aí sim vale a pena comprar ingredientes em quantidades extras. Mas sem exageros: é um estoque de segurança. E não se esqueça de observar o prazo de validade dos produtos perecíveis.


2 - PESQUISE NA VIZINHANÇA


Antes de oferecer seus produtos, faça uma pesquisa na vizinhança, pois cada região permite um preço diferente. Você nunca deve colocar um preço muito baixo só para vender mais, pois quando você precisar subir esses valores, seus clientes vão reclamar”.


3 - SEPARE SEU SALÁRIO

Dentre as despesas do seu novo negócio, lembre-se de colocar o seu salário. Imagine quanto você ganharia se trabalhasse meio período numa empresa. Esse valor deve ser retirado do seu caixa todo mês, é o que ensina um consultor do Sebrae. Claro que no início você pode não conseguir, mas essa retirada deve fazer parte do seu planejamento.


4 - APRENDA A COLOCAR PREÇO NOS SEUS PRODUTOS


Para definir o preço do seu produto, avalie quanto você vai gastar com a compra de matéria-prima. Calcule, mesmo sem saber o valor exato, a eletricidade e o gás que serão usados, o preço das embalagens, e quanto você gasta de ônibus ou combustível para comprar a matéria-prima e fazer as entregas. Some tudo isso.
Ao valor final, acrescente 150% a 200% - esse vai ser o lucro do produto.
Por exemplo: você gastou R$ 60,00 com ingredientes, R$ 20,00 com despesas gerais (água, luz, gás) e R$ 10,00 com embalagem: o total é de R$ 90,00. Você sabe que, com esse material, consegue fazer 100 trufas - o custo é de R$ 0,90 cada. Agora, acrescente 200% sobre R$ 0,90 e você terá o valor final: R$ 2,70.

Tenho uma postagem ensinando a calcular preço de custo e venda. Clique na frase abaixo :


5 - SAIBA REINVESTIR NO SEU NEGÓCIO

Para saber se as vendas são lucrativas, você deve somar tudo que conseguiu vender no mês. Do valor total, subtraia todas as despesas, inclusive o salário que você estipulou. Sobrou alguma grana? Esse é o lucro. Mas não pense que ele vai ficar na sua mão. Esse valor deve ser reinvestido no negócio, fazendo-o prosperar.
Se a conta der negativa, é momento de reavaliar o seu trabalho. Verifique se o volume de vendas está adequado, se o público-alvo é o ideal e se a matéria-prima que você está comprando é muito cara. Não entre em dívidas. Se chegar à conclusão de que o negócio não vai dar certo, procure mudar de produto.


6 - CAPRICHE NA EMBALAGEM

”Não adianta fazer um bombom irresistível ou um sabonete cheiroso se eles estiverem mal embalados”. A finalização não torna o produto mais caro. Entre as opções baratinhas - e charmosas - há saquinhos de celofane, folhas de alumínio, caixinhas de papelão e saquinhos de tule. Você encontra tudo isso em lojas de artigos para festa ou artesanato. Uma boa apresentação é essencial para o sucesso.


7 - CONTROLE AS VENDAS

Tenha dois caderninhos. Em um, você deve anotar todas as suas vendas. Mesmo que o valor seja baixo, anote a data da venda, o que foi vendido (caso você faça mais de um tipo de produto), a quantidade e o valor total. No outro caderno faça o controle das despesas. Marque a data do que foi comprado, onde foi comprado e o valor da despesa. Ao final do mês, some os valores de cada um dos cadernos. Assim, você saberá exatamente quanto ganhou e o que foi gasto.

VISITE MINHA LOJA E CONHEÇA 
MEUS CURSOS PARA QUEM TRABALHA 
EM CASA COM ALIMENTAÇÃO
.
www.cozinhalucrativa.com.br
.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Antes de comentar, saiba que:

- Antes de serem publicados, os comentários necessitam de aprovação. Ou seja, seu comentário não aparecerá na hora em que você o postou (geralmente, são aprovados em menos de 24h);
- Conteúdo ofensivo, propagandas, e propostas de parceria não serão aceitos nos comentários. No caso de interesse em parceria, entre em contato pelo meu e-mail melitaluzia@hotmail.com

VISITAS RECEBIDAS NO BLOG

.